sexta-feira, 21 de março de 2014

Capítulo 32 - Invasão (Parte 6) - O Touro De Cedros

C
om a batalha entrado em sua etapa final, Argonis percebe a ausência de Minus e começa a procurá-lo no campo de batalha ignorando os corpos pois tinha plena certeza de que ele não estava entre eles, subia a encosta por entre árvores onde e encontrou-se com Neflin, que vinha das sombras ofegante e coberto de sangue, de certo acabara de matar alguém forte, pelo menos o suficiente para cansá-lo.
Os dois subiram a encosta, passaram por entre arbustos e se depararam com Minus caído no chão, com muito sangue ao redor. Neflin fez movimento de ir em sua direção, mas foi impedido por Argonis, que levou o dedo a boca pedindo silêncio.
- Você é um cultuador, feche os olhos e tente ouvir.
- Ouvir o que?
- O Coração de Minus.
-... Está parado. Espere, está voltando a bater, está fraco, mas está batendo cada vez mais forte, está batendo tão forte que parece ecoar... Espere, não é eco... Parece... Um outro coração?
- Abra os olhos.
Neflin vê a respiração forte de Minus e percebe que seu corpo parece quente, pois está ficando vermelho, como se uma ira o tomasse e passasse por suas veias, aquecendo-o a ponto de termos a impressão de que saía um vapor da pele dele, um vapor quase esverdeado. Artegon abriu os olhos e a boca sem a mínima reação a não ser de total e emudecedor espanto.
- Este é Artegon, tutor de Dort e um dos dois únicos discípulos de Magash, o turbilhão de lâminas. Ele é capas de matar um exército inteiro sem ser tocado.
- Dois?
- Sim, o outro discípulo de Magosh foi Minus.
O vapor começa a sair das feridas de Minus que ainda está no chão, seu suor e calor dão a impressão de que ele brilha. O vapor sai das feridas e elas aos poucos se fecham, até que desaparecem sem deixar cicatriz. E a voz de Minus emana do nada:
- Não pensei que fosse precisar disso tão cedo. - Um sorriso doentio e sarcástico toma o rosto de Minus. Seu braço enfaixado parece latejar, mas permanece baixo. O antigo olhar calmo dá lugar a um olhar sinistro e desconhecido.
- Acho que... - não é mais a voz de Minus - seus olhos devem ter um gosto interessante... Hihihi.
Antes que o ágil Artegon pudesse se mover, Minus estava do seu lado, seu sorriso estava diante dos olhos do Grande tutor de Dort, este que sentiu uma mão entrar em seu abdômen e tatear seu coração antes de puxá-lo para fora e sua visão faltar.
- Humm. Mas o coração deve ser mais delicioso que os olhos.
Do escuro Neflin observava atônito enquando Minus lambusava-se do sangue que ainda pulsava no coração. Até que Argonis, rompendo o silêncio, disse:
- Esse é Minus, o Touro de Cedros.

0 comentários:

Postar um comentário